30/04/2016

[Resenha] O Mundo de Sofia

Se você gosta de filosofia vai amar este livro!


Sinopse:


Às vésperas de seu aniversário de quinze anos, Sofia Amundsen começa a receber bilhetes e cartões-postais bastante estranhos. Os bilhetes são anônimos e perguntam a Sofia quem é ela e de onde vem o mundo. Os postais são enviados do Líbano, por um major desconhecido, para uma certa Hilde Moller Knag, garota a quem Sofia também não conhece.

O mistério dos bilhetes e dos postais é o ponto de partida deste romance fascinante, que vem conquistando milhões de leitores em todos os países e já vendeu mais de 1 milhão de exemplares só no Brasil. De capítulo em capítulo, de “lição” em “lição”, o leitor é convidado a percorrer toda a história da filosofia ocidental, ao mesmo tempo que se vê envolvido por um thriller que toma um rumo surpreendente. 

Dicas para iniciantes

Oi gente!!!  Vou compartilhar três dicas para quem está começando um blog ou um Instagram literário. Eu não sou expert no assunto, nem sou famosa nas redes sociais (por enquanto...rsrs). Mas espero que essas dicas ajudem. Vamos para as dicas né?! Afinal, isso é o que interessa. =)


- Faça o que gosta.


 Parece uma dica boba, mas vocês ficariam surpresos(as) com quantas pessoas fazem blogs, Instagram, canal no Youtube apenas porque outras pessoas também fazem. Deixa eu dizer uma coisinha, tudo que você fizer com amor vai ser lindo. Até porque quando não gostamos de fazer algo, a gente tende a fazer de qualquer jeito, não é verdade? Então se você está fazendo isso porque ama, tenha certeza que vai dar tudo certo, sim!

[Resenha] Outra Volta do Parafuso

📚 Esse livro do Henry James, começa em uma reunião de alguns amigos contando histórias assustadoras. Um deles então, narra uma história de fantasmas contada a ele por uma amiga, que trabalhou como governanta em uma casa, tomando conta de dois irmãos: Flora e Miles.
No início, a governanta fica encantada com a casa onde passa a viver com as crianças , mas o surgimento de duas aparições misteriosas acaba com a harmonia e a leva a suspeitar da inocência das crianças. Com esse livro, James cria uma história em que não sabemos o que é real e o que é fruto da imaginação da governanta, e que vai além de uma simples história de fantasmas, nos deixando com uma dúvida constante até o último parágrafo do livro. Não achei nada cansativo (ouvi comentários de que era), só a protagonista que me irritou um pouco, as vezes, com a rapidez com que ela chegava a conclusões com deduções meio sem pé nem cabeça, rsrs no mais... Recomendo!

A Outra Volta do Parafuso
Henry James ★★★

[Resenha] A Metamorfose

“Quando certa manhã Gregor Samsa acordou de sonhos intranquilos, encontrou-se em sua cama metamorfoseado num inseto monstruoso." 


Sinopse:

"A Metamorfose" é a mais célebre novela de Franz Kafka e uma das mais importantes de toda a história da literatura. O texto coloca o leitor diante do caixeiro-viajante Gregor Samsa, transformado em inseto monstruoso. A história é narrada com um realismo inesperado, que associa o senso de humor ao que é trágico, grotesco e cruel na condição humana.


📚 O início de A Metamorfose, de Franz Kafka, é imortalizado na história por causar horror e fascínio nas pessoas, simultaneamente. Um livro de leitura rápida, vocabulário simples, mas de uma grandiosidade imensurável. Não vejo outra maneira de descrever esse meu primeiro contato com as obras de Kafka.


A Metamorfose
Franz Kafka
102 páginas
Ano 1997
Editora Cia das Letras
Avaliação: ★★★★

Jane Austen

Jane Austen (1775 - 1817)
Um dos maiores nomes da literatura inglesa, ao lado de Shakespeare,Jane Austen começou a manifestar talento para as letras ainda na adolescência.

Assim como seus personagens, Jane Austen cresceu em uma zona rural na inglaterra entre a classe abastada e religiosa. Nasceu na casa da paróquia se Severton, Hampshire, Inglaterra tendo o pai sido sacerdote e vivido maior parte de sua vida nesta área. Ela teve seis irmãos e uma irmã mais velha, Cassandra, com a qual era muito intima. O único retrato conhecido de Jane Austen é um esboço feito por Cassandra, que atualmente se encontra na Galeria Nacional de Arte em Londres.

[Resenha] Orgulho e Preconceito (Pride and Prejudice)

E pensar que duzentos anos depois esse livro ainda encanta milhares e milhares de pessoas. =D


Sinopse:

Orgulho e Preconceito é um romance da escritora britânica Jane Austen. Publicado pela primeira vez em 1813, na verdade havia sido terminado em 1797, antes de ela completar 21 anos, em SteventonHampshire, onde Jane morava com os pais. Originalmente denominado First Impressions, nunca foi publicado sob aquele título; ao fazer a revisão dos escritos, Jane intitulou a obra e a publicou como Pride and Prejudice. Austen pode ter tido em mente o capítulo final do romance de Fanny BurneyCecilia, chamado "Pride and Prejudice".

[Resenha] Eram os deuses astronautas?



📚 Eram os deuses astronautas? tem como autor, Erich Von Daniken, que procura provar com artefatos arqueológicos que a Terra vem sendo visitada por seres de outro planeta desde seu surgimento. 



Sinopse:

  Publicado em 1968, o livro "Eram os Deuses Astronautas?" bateu, em pouco tempo, recordes de vendas em 38 países, com cerca de 7 milhões de cópias vendidas em todo o mundo. O autor, que dedicou a vida a pesquisas pelo mundo todo, defende neste livro a existência de outros seres inteligentes no universo e propõe que extraterrestres tenham trazido grandes conhecimentos á Terra.A evidência disso estaria nos achados arqueológicos, monumentos antigos, mapas e marcas intrigantes em solos rochosos, que Erich Von Däniken analisou em várias partes do planeta. Ele comparou, por exemplo, fenômenos semelhantes ocorridos na cultura Maia (México) e em Nazca (Peru) com o enigmas do Egito Antigo.

📚 Esse foi o primeiro livro que li do Daniken (intima néh?! Kkk) e adorei! O livro propõe uma simples teoria sobre como seria se uma civilização altamente desenvolvida cultural e tecnologicamente entrasse em contato com uma civilização primitiva.

  O livro traz muitas questões sem respostas, sobre fatos que a nossa ciência diz não ter resposta ou evita buscar.

É um livro indicado para curiosos a respeito de seu passado e origem, de um ponto de vista diferente do convencional. 😊📚

29/04/2016

[Resenha] Madame Bovary

  Madame Bovary é um romance que foi escrito por Gustave Flaubert e que resultou num escândalo ao ser publicado em 1857. Flaubert foi levado aos tribunais, onde utilizou a famosa frase “Emma Bovary c’est moi” (Emma Bovary sou eu).

Sinopse:
Publicado pela primeira vez em 1857, 'Madame Bovary' apresentou uma nova perspectiva do romance literário e da estética, e trouxe à sociedade francesa do século XIX uma nova visão sobre a figura feminina. Trouxe à mulher a possibilidade de se destacar numa sociedade que assistia ao nascimento dos princípios democráticos. Além disso, Flaubert estimulou inúmeros estudiosos a refletirem sobre as questões expostas no livro, como o suicídio, a histeria, o adultério, o desenvolvimento do capitalismo e a emancipação feminina.
(Fonte: Livraria da Travessa)

📚O romance conta a história de Emma,tão sonhadora, criada no campo, que aprendeu a ver a vida através da literatura sentimental. Bonita e requintada para os padrões provincianos, casa-se com um médico interiorano muito apaixonado por ela. Emma, se sente presa nesse casamento, cada vez mais angustiada e frustrada, busca no adultério uma forma de encontrar a liberdade e a felicidade, mas dificilmente consegue sentir-se satisfeita com o que é e o que tem.
Madame Bovary foi uma leitura muito gostosa, apesar de um clássico, ele é de fácil compreensão (você não perde horas procurando no dicionário o significado das palavras), te faz entrar naquele mundo. 👒 

Madame Bovary ★★★
Gustave Flaubert

© Lendo1 bom livro | - 2016. Todos os direitos reservados. Criado por: Layouts para blog. Tecnologia do Blogger. imagem-logo