19/08/2017

Stephen King sobre o filme A Torre Negra - The Dark Tower


“Muitas coisas vão acontecer na atualidade, no mundo moderno”, disse o diretor. “O que o Stephen King faz de melhor é misturar o dia a dia, ou o que você pode chamar de mundano, com o fantástico. No meu ponto de vista, os livros de A Torre Negra são uma mistura de ficção-científica, fantasia e dos tempos atuais. E esse conjunto é muito Stephen King”.


Dia 24 de agosto estréia aqui no Brasil o filme A Torre Negra - The Dark Tower, série de 8 livros do fabuloso Stephen King e ele parece estar super feliz com a adaptação.

Ele não escondeu a empolgação por levar o projeto aos cinemas: “A coisa é que tem sido uma longa viagem dos livros para o filme. Quando você pensa sobre isso, eu comecei essas histórias no último ano do colégio, sentado em uma pequena cabana ao lado de um rio no Maine, e finalmente isso está em pré-produção agora. Estou muito feliz e também um pouco surpreso”.
King também disse que o filme deverá começar na primeira linha do primeiro livro. “Precisa começar desse jeito. Fui bem insistente a respeito disso. Apesar disso, a história começa na metade da trama, e não no começo. Isso pode deixar os fãs um pouco chateados, mas eles vão superar isso, porque a história é assim”.
O autor afirmou que, por enquanto, o projeto é de apenas um filme com a possibilidade de outros futuramente: “Outras pessoas tentaram fazer espetáculo com a fantasia. Ás vezes funciona, ás vezes muito bem quando se trata de adaptações de livros, como Jogos Vorazes e Harry Potter, e ás vezes não dá certo. O que eu tenho é isso: temos Idris Elba e Matthew McConaughey, dois grandes atores. Temos um grande time na produção e Akiva Goldsman como primeiro roteirista. O time está no lugar, então esperamos pelo melhor”.

.

16/08/2017

[Cinemando] Bora assistir a Torre Negra? The Dark Tower


A Torre Negra, série de livros do fabuloso Stephen King que a Marvel transformou em HQ em 2007, já está a caminho dos cinemas e televisão.
Ron Howard, Akiva Goldsman e Brian Grazer, trio conhecido por Uma Mente Brilhante e O Código Da Vinci, estão conduzindo esse projeto que tem estréia prevista no Brasil em 24 de agosto de 2017.



O elenco de A Torre Negra tem Idris Elba como Roland, o Pistoleiro, Tom Taylor como Jake Chambers e Matthew McConaughey como Walter Padick, o Homem de Preto.

Na história, o Pistoleiro - que busca a lendária Torre Negra há anos - encontra o menino Jake, cujos poderes especiais começam a se manifestar do nada, e descobre que o Homem de Preto está maquinando um esquema para destruir os mundos de ambos protagonistas.

Apesar de eu ainda estar lendo o 4º livro da série (são 8 no total), E já entender que o livro será bastante diferente da história contada nos livros, estou bastante empolgada em conferir o filme que pelo que mostra no Trailer será bastante eletrizante, assim como nos livros!

Confiram o Trailer oficial.



Beijos amores!

.

13/08/2017

Entrevista com o Autor Dylan Ricardo


Recentemente eu li um livro de poesias chamado "Do Inferno" e tem resenha dele no blog que você pode conferir (clicando aqui), e me apaixonei pela obra. A forma sombria com que o autor escreve me cativou, e depois de um contato com ele através do seu facebook, decidi propor a ele com a ajuda da Cultura em Letras Edições, uma entrevista para saber mais sobre sua carreira, suas influências e claro, sobre suas expectativas neste e em seus próximos livros que virão!


Dylan Ricardo Viveu na Palestina e em Montreal, Canadá, país do qual adquiriu cidadania, exercendo a atividade de chef de Cozinha Internacional e, por doentio interesse e necessidade natural, de observador dos hábitos humanos.

Siga o autor em suas redes sociais

Facebook        I        Twitter





Lendo 1 bom Livro: Primeiramente, eu gostaria de agradecer a sua presença aqui no blog e também queria que você falasse mais sobre a sua carreira como escritor.

Dylan Ricardo:
Eu é que agradeço a oportunidade de poder divulgar meu primeiro trabalho publicado. Trabalho que considero como um filho. Um rebento que nasceu arrebentando as entranhas do cérebro, fruto da necessidade de expor o que me incendeia por dentro. Sem dúvida que esse foi um parto doloroso, e que ainda me faz derramar sangue.
Sinceramente eu nem sei se sou escritor, sei que escrevo, mas nem todos que escrevem podem ser chamados assim, pelo menos, não profissionalmente.  É quase como se eu fosse alguém que apenas rabisca textos em um diário que se tornou público.  Escrevo o que não suporto guardar, e mesmo expondo o pouco que consigo, como um desabafo, nada me abandona. Conservo nas vísceras cada frase ininterruptamente borbulhando.
Para o leitor que fecha o livro depois de lido, talvez reste alguma coisa na memória, mas em mim, nenhuma página foi virada e o livro não só permanece aberto, como ainda sendo escrito. Meus poemas são como elos de uma mesma corrente, que presos uns aos outros se estendem ao infinito, levando-me acorrentado para lugares de onde não consigo fugir.

10/08/2017

[Lançamento] Ed & Lorraine Warren: Lugar Sombrio.

O segundo livro de Ed & Lorraine Warren
com um novo caso sobrenatural

- Em setembro - 

O casal de investigadores paranormais favorito dos darksiders está de volta. Depois do grande sucesso de Ed & Lorraine Warren: Demonologistas, a DarkSide® Books reabre seus Arquivos Sobrenaturais para desenterrar um dos casos mais assustadores dos últimos 30 anos.

Descubra a verdadeira história por trás do exorcismo de Connecticut em Ed & Lorraine Warren: Lugar Sombrio.

08/08/2017

[Resenha] A mulher de um Homem Só






  • "Todo mundo tem medo da morte. Seja pela dor, seja pela falta, seja pelo que se espera depois de morrer." 
                                                                                                      Pág. 86



A mulher de um Homem Só
Tamires Brayner Falcão
Editora Penalux
Ano de Lançamento: 2017
Número de Páginas: 117
Skoob: adicione à estante
♥ livro cedido pela editora
Classificação: ★★




Sinopse: Em meio a realidade urbana e caótica, vive um homem cuja vida monótona se transforma quando finalmente encontra seu grande amor, mas ela também se torna sua maior ruína, transformando sua realidade entediante e pacata num caos cercado de sonhos, fantasias e viagens sinestésicas. Será que o amor é capaz de suportar a tudo, até mesmo a loucura? Entre na pele do protagonista de “A Mulher de um Homem só” e entenda porque alguns amores podem ser impossíveis.

  • " Ela era música e cada nota passava e fazia eco por dentro de mim."
                                                                                                                           Pág. 22


Quando recebi este livro em parceria com a Editora Penalux, nem sequer passou pela minha cabeça que abordaria um tema tão complexo. Sim meus amigos, tive um certo preconceito, pois por mais que a capa seja linda, não, linda não, maravilhosa! Eu achei que seria um romance bem melosinho (nada contra, só não estou no momento), mas me surpreendi bastante com o tapa que levei.

Logo na primeira página somos apresentados ao personagem principal, o narrador do livro que está contando sua história, mas em momento algum nos é revelado o seu nome, e no decorrer do livro são poucos personagens que tem esse privilégio de ter seus nomes revelados. O que eu achei o máximo, pois causa um certo mistério, uma enorme curiosidade.
© Lendo1 bom livro | - 2016. Todos os direitos reservados. Criado por: Layouts para blog. Tecnologia do Blogger. imagem-logo