09 fevereiro 2021

[RESENHA] O Pacto - Flyve

TÍTULO: O Pacto
ANO DE LANÇAMENTO: 2019
EDITORA: Flyve
NUMERO DE PAGINAS: 200
CLASSIFICAÇÃO: 


SINOPSE: Poucas vezes a Literatura de Horror tem uma estreia tão poderosa quanto de Juliano Furlanetto. As paisagens sombrias e soturnas que se descortinam perante nossos sentidos e imaginação evocam um mundo escondido, a espreita de vítimas, que as transporta para (des)venturas de atmosferas densas, impregnadas da respiração quente e úmida do mal.

Os doze contos presentes em "O pacto", que a Editora Flyve tem a honra de lançar, nos deixam frente a frente de situações que refletem um espelho deformado, onde cada personagem ao adentrá-lo, junto com o leitor, irá enfrentar seus demônios mais íntimos e angústias mais profundas. E, assim, estará em companhia de uma das revelações mais instigantes da Literatura de Horror.

21 dezembro 2020

[RESENHA] A telepata - Persuadidos - Jéssika Soares



TÍTULO: A telepata - Persuadidos
ANO DE LANÇAMENTO: 2019
EDITORA: Talentos da literatura brasileira
NUMERO DE PAGINAS: 480
CLASSIFICAÇÃO: 


SINOPSE: “NO SEGUNDO EM QUE OLHEI PARA ELE, EU SABIA QUE NÃO TINHA MAIS VOLTA.” Sarah Rens é uma garota comum que vê sua vida desmoronar após um terrível acidente, no qual seu pai morre e ela escapa ilesa. A jovem começa então a ouvir a mente das pessoas e a sonhar com um garoto misterioso. Tão fascinada quanto assustada, Sarah aperfeiçoa suas habilidades de telepata e faz novos amigos, com poderes especiais como os dela, que a ajudam a controlar o que faz e a entender os perigos de ser como é. Enquanto isso, tenta desesperadamente deixar para trás os sonhos que não a permitem viver a vida real. Quando uma nova vizinha chega, ela descobre que o enigmático garoto de seus sonhos não apenas é real, como também perigoso, a ponto de destruir tudo o que ela ama. Confrontada por tudo que sabe sobre si mesma, sem saber em quem confiar e aprisionada em um triângulo amoroso, a telepata descobrirá que tudo pode ficar pior. Muito pior.

18 dezembro 2020

[RESENHA] Desenhos do tempo - Peter Rossi



TÍTULO: Desenhos do tempo
ANO DE LANÇAMENTO: 2019
EDITORA: Ramalhete
NUMERO DE PAGINAS: 172
CLASSIFICAÇÃO: 


SINOPSE: Na vida tudo se repete, mas nada é igual: a afirmação de Peter Rossi em um de seus textos traduz seu olhar de cronista. Ele se recusa a ver o cotidiano de forma apressada, porque
sabe que cada dia, cada pessoa e cada cena que presencia são únicos, assim como é único cada pedaço de memória que resgata. A bicicleta da infância, o par de meias na gaveta, uma
sessão de cinema ou o encontro inusitado com um elefante de circo, tudo merece seu olhar atento e é dele que nascem estes textos – líricos, nostálgicos e bem-humorados. Mais que
um livro de crônicas, “Desenhos do Tempo” é o diário de bordo de alguém que viaja pela vida sem medo de se deixar surpreender e, acima de tudo, de se emocionar.

09 dezembro 2020

[RESENHA] Colt45 - A Gloriosa Sorte dos Afortunados - Gabriel Valladão



TÍTULO: Colt45 - A Gloriosa Sorte dos Afortunados
ANO DE LANÇAMENTO: 2019
EDITORA: All Print 
NUMERO DE PAGINAS: 256
CLASSIFICAÇÃO: 


SINOPSE: Caro amigo, se eu puder lhe dar um conselho, passe longe dessa história.
Pois agora que Sara vai voltar a Cedro Verde, essa cidade estranha não será mais a mesma.
Mortes, sofrimento e angústias, para falar o mínimo.
Antes que você comece a nutrir um excêntrico e apocalíptico afeto por esses personagens, pense bem para não se arrepender depois.



17 novembro 2020

[RESENHA] Bile Negra - Oscar Nestarez


TÍTULO: Bile Negra
ANO DE LANÇAMENTO: 2017
EDITORA: Pyro
NUMERO DE PAGINAS: 168
CLASSIFICAÇÃO: 


SINOPSE: O que acontece quando perdemos as rédeas de nossa própria mente?
Uma pandemia se espalha por bairros, cidades e países. Sorrateira, é causada por uma perigosa substância, que age como um verme que fatalmente conquista a vida do hospedeiro. E Vex, um jovem tradutor, precisa recrutar todas as suas forças para conter esse avanço.
Com origem na Teoria Humoral segundo a qual o bom funcionamento de corpos e mentes depende do equilíbrio entre humores, o romance explora o excesso do mais saturnino deles: a bile negra, ou melancolia - do grego mélas (negro) e cholé (bile).

© Lendo 1 bom livro - Por Day Morais | - 2016 - Layout Criado Por: Pepi Artes Digitais imagem-logo